Sócio UniversoTorcedor

Sob controle

Sampaio domina o jogo e vence o Imperatriz por 2x0

Tricolor venceu o Imperatriz no Castelão (Foto: Ronald Felipe)

Em partida disputada na noite desta quarta-feira no Estádio Castelão, o Sampaio Corrêa controlou o jogo do início ao fim e venceu o Imperatriz pelo placar de 2×0.

Os gols da vitória boliviana só foram aparecer no segundo tempo. O atacante Jajá abriu o placar após limpar toda a defesa e chutar no canto. De pênalti, o estreante Joanderson bateu com categoria e deu números finais ao jogo. O resultado colocou a equipe boliviana na liderança do Estadual com 10 pontos ganhos.

O JOGO

Início de jogo truncado no Castelão, com o Sampaio tentando se articular no campo de ataque e o Imperatriz disposto a se defender à base de muita marcação.

O Tricolor chegou a marcar com Ferreira, aos seis minutos, mas a arbitragem havia assinalado falta de Eloir no lance. E foi próprio Eloir que quase abre o marcador após cruzamento de Roni, só que a bola foi pra fora.

A equipe boliviana teve o domínio do primeiro tempo, buscou o gol, mas não conseguiu furar a retranca adversária.

A etapa final teve início em alta voltagem. Jajá recebeu na intermediária, arrastou a defesa e bateu forte, no canto, para abrir o placar no Castelão. Sampaio 1×0. 

Instantes depois a Bolívia teve outra boa chance. Jajá fez a jogada e serviu Ferreira, que bateu por cima do travessão. O Sampaio seguia pressionando e Marlon cobrou falta na cabeça de Lucão, que obrigou o goleiro do Imperatriz a defender no susto.

A equipe Tricolor seguia controlando o jogo e buscando o segundo gol, que quase surge com Gabriel Popó, mas o chute passou rente à trave.

Aos 25 minutos, Gabriel Popó armou a jogada dentro da área e foi derrubado. A arbitragem assinalou pânalti, cobrado com eficiência pelo estreante Joanderson, deslocando o goleiro.

O Imperatriz ainda se animou nos minutos finais para tentar diminuir o placar, sem conseguir superar a defensiva boliviana.

O Sampaio Corrêa já volta a campo novamente no Castelão neste sábado, às 20h30, para enfrentar o Vitória/BA, em confronto válido pela quarta rodada da Copa do Nordeste. 

Ficha Tricolor

Mota, Roni, Lucão, Joécio (Paulo Sérgio) e Marlon (Michel); André Luis, Ferreira, Eloir (Matheus Cassini) e Joanderson; Gabriel Vasconcelos (Gabriel Honório) e Jajá (Gabriel Popó). 

14 respostas

  1. Acredito que contra o vitória joecio deva assumir a vaga é o meio de campo com Ferreira e André Luís tá bom oque falta e o meia de criação que não tem no momento e no ataque ainda tem que melhorar e esse jogo contra o vitória e ganhar ou então Adeus classificação.

  2. Assim como o goleiro Mota foi injustiçado por Condé, esse Gabriel Honório está sendo injustiçado, ele não pode ser reserva nesse time.
    Na minha modesta opinoão é o melhor de todos que chegaram até hoje. Joga de cabeça erguida, tem visão de jogo é veloz e não fica prendendo a bola sem necessidade.

  3. Num jogo contra um time desesperado e inexpressivo tecnicamente, cometemos 36 faltas em 47 minutos do primeiro tempo, além de não termos conseguido dá um chute ao gol.

    DIAS MELHORES PARA A NOSSA BOLÍVIA QUERIDA DE MAIOR TORCIDA

    1. Na realidade amigo, o Sampaio não cometeu nenhuma falta, já prestou atenção como são os arbitro do Brasil e em especial no MA, não pode “triscar” no adversário que é falta, aquele gol do Eloir em qualquer lugar do mundo era válido, ele chegou por trás e cabeceou.
      Já viu que o Bandeirinha fica esperando a disputa da bola na bandeira de escanteio, pra dá falta.. irrita…

  4. Não podemos afirmar absolutamente nada. Jogamos contra um time esfacelado, que veio cheio de desfalques, que não conseguiu vencer nenhuma partida nesse fraco campeonato maranhense. No primeiro tempo praticamente não chutamos a gol. Time do Imperatriz é um dos piores que já vi jogar nesses últimos 10 anos. Portanto, não serve de parâmetro pra nada. Tinha que vencer mesmo, porque se não vencesse, aí a coisa estaria pior do que se apresenta. Time ainda muito distante do ideal. Vamos ver se evoluiu, no jogo de sábado contra o Vitória. Porque na verdade, o time do Sampaio nessa temporada não venceu nenhum time de melhor envergadura técnica, só times do interior do estado.

    1. Gostei do Joanderson, mostrou que sabe jogar e tem bom domínio de bola. Agora, sem um meia de ligação com qualidade no passe, fica difícil! O cara não recebeu uma bola em condição de arrematar a gol. No lance do pênalti o passe pro Popó foi dele. Ele e mais 5 desse grupo podem ficar pra Série B.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *