Sócio UniversoTorcedor

Dia de recuperar

De olho no Inter de Lages, Sampaio se reapresenta e realiza trabalhos regenerativos

Jogadores realizaram atividades regenerativas com hidromassagem

A vitória sobre o MAC já ficou pra trás. As atenções, a partir de agora, estão voltadas para a Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, o Sampaio enfrenta o Inter de Lages, no Castelão, às 19h30, e joga com vantagem, após vencer o primeiro confronto por 2×1.

Na tarde desta segunda-feira, o grupo Tricolor se reapresentou no CT José Carlos Macieira. Dia de recuperar os jogadores que jogaram o clássico. Na programação, atividades de suplementação, treino funcional e hidromassagem para finalizar as atividades.

Jogadores realizaram atividades regenerativas com hidromassagem
Jogadores realizaram atividades regenerativas com hidromassagem

Os outros atletas foram a campo para um trabalho com bola, incluindo o lateral Guilherme Lucena, que está recuperado de uma lesão na coxa e pode pintar como opção para o jogo desta quarta-feira.

O zagueiro Mimica e o atacante Pimentinha ficaram em observação no Departamento Médico. Os jogadores deixaram o campo no clássico contra o Maranhão Atlético com problemas na coxa e tornozelo, respectivamente. Ainda serão reavaliados para saber se terão condições de enfrentar o Inter de Lages.

Nesta terça-feira, o técnico Petkovic comanda o último treino antes da partida. Atividade marcada para o período da tarde, no CT, às 15h30. Após a movimentação os jogadores já ficarão concentrados.

21 respostas

  1. O presidente ta ligado, eu ja ouvir ele falar que dormi tarde, só organizando a gestao do tricolor de Sao Pantaleão, seis pode saber que ele tá buscando traser o melhor pro nosso time, tenho certesa, sócio Carlos Moreira do maiobão.

  2. Lucio maranhão seria um bom reforço no ataque do sampaio pra disputa da serie b pq o sampaio não o contrata ? ele foi vice artilheiro da serie b de 2012 pelo asa de arapiraca e o fortaleza não tem mais interesse nele para o resto da temporada

  3. O técnico Condé esnobou nossa bolivia, que não tinhamos estrutura, queria dirigir time de ponta, foi desclassificado pelo Batatais, e o Bragantino permanece na série A2,

  4. É isso aí torcida boliviana, vamos dá uma força para nosso time, para nosso presidente Sérgio frota e pra nós também que torcemos muito por bons resultados e sonhamos com a série A. Quem não puder se tornar sócio, vamos aos jogos dar uma força e depois cobramos contratações.

  5. Associando e o caminho sr.Aquiles.mas tem outros caminhos , um e torcida camparecer no estadio e outra é os inadiplentes regularizar suas situações.pois vejo que são muitos inadiplentes…………..

    1. Meu caro concordo e é isso que cobro de alguns torcedores que não participam ativamente tanto indo aos jogos como no plano de sócios torcedores, também acho inadmissível o percentual de inadimplentes que chega a ser de 50% do total de sócios.

  6. Presidente já esta na hora de pensar em contratações, tem times q n vão desputar mais nada este ano e tem jogadores bons sobrando..

      1. continuando: você há de convir que o problema é clube não ter dinheiro em caixa para que isso ocorra e mais uma vez afirmo, a torcida boliviana te que se associar para que o nosso clube possa fazer boas contratações como muitos pedem pois é muito fácil o torcedor dar opinião para contratar sem que ele faça sua parte em ajudar o nosso clube tornando se sócio.

        1. Desde o início da temporada de 2016 que venho em meus comentários, ressaltando a necessidade da torcida comparecer aos jogos, mas, infelizmente isso não vem acontecendo. Não sei como vai ser essa série B desse ano. Só esse elenco que está aí não dá conta. Precisa de contratações fortes e se não fizerem vai ficar muito difícil. Entendo por outro lado, que não tem dinheiro, o campeonato maranhense é fraco, por falar nisso, não fui ao jogo de domingo passado porque estou em Brasília-DF passando férias. Só vi o primeiro tempo que terminou por 2×1. Qual foi o público desse jogo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *