Sócio UniversoTorcedor

Planos frustrados

Sampaio não fura a defesa do Operário e perde no Castelão

Sampaio e Operário se enfrentaram neste sábado no Castelão (Foto: Lucas Almeida)

Após duas vitórias seguidas, uma pelo Brasileiro e outra no Campeonato Maranhense, o Sampaio Corrêa foi surpreendido no Castelão pelo Operário, tendo seus planos de subir na tebela da Série B frustrados.

O gol dos visitantes foi marcado aos 31 minutos do segundo tempo, em um raro lance de ataque, que contou com um curto circuito da defesa Tricolor.

O jogo

Início de jogo pautado na cadência, sem nenhuma equipe imprimindo um ritmo mais forte. As marcações levando vantagem, e nenhuma oportunidade clara de gol surgia.

Aos 19 minutos, Marcinho arriscou de fora da área, mas a bola foi direto pra fora. O Operário tentou responder e mandou um chute por cima do travessão.

A partida se concentrava na região do meio campo, as faltas se acumulavam e o placar terminou em branco ao fim do primeiro tempo.

A equipe Tricolor voltou mais ligada para a etapa final. Robson Duarte quase marcou, a bola bateu no travessão e na sobra Luís Gustavo disparou um torpedo para defesa do goleiro, que espalmou para escanteio. 

O Operário tentou surpreender com um cruzamento fechado, que obrigou Neguete a espalmar para fora, evitando o gol. 

Pimentinha entrou no jogo e quase faz o gol da Bolívia ao entrar na área pela direita, mas a bola beliscou a trave e foi pra fora.

Aos 31 minutos, em jogada confusa na defensiva Tricolor, o Operário conseguiu abrir o placar, em raro lance que se se aventurou ao ataque.

O time boliviano tentou se estruturar em campo para buscar o empate, mas esbarrava na forte marcação adversária. Aos 41 minutos, lance polêmico. Roney foi derrubado dentro da área, mas a arbitragem mandou o jogo seguir.

Tendo o cronômetro como inimigo, o Sampaio viu o Operário montar guarda no campo de defesa, sem conseguir furar o bloco defensivo da equipe paranaense até o apito final. 

 O próximo compromisso do Sampaio Corrêa será na quarta-feira, 16, pelo jogo de volta da semifinal do Campeonato Maranhense, contra o Juventude, às 19h, no Castelão.  

Ficha Tricolor

Gustavo (Neguete), Luís Gustavo (Diego Tavares), Daniel Felipe, Joécio e João Victor; André Luís, Vinícius Kiss, Marcinho (Thiago Santos) e Gustavo Ramos (Roney); Robson Duarte (Pimentinha) e Caio Dantas. 

34 respostas

  1. Tragam um primeiro volante de forte marcação,tragam um goleiro que inspire confiança e um lateral esquerdo também façam esses caras entenderem que é uma competição e que eles estão representando o povo de um estado. ACORDEM PROFICIONAIS

  2. O Ferreira precisa ser titular, também precisa que o lateral esquerdo se posicione melhor no campo, embora não atecando, pega muita bola na costa.

  3. Estamos perdendo para nós. Não estamos perdendo para o adversário. Nessas rodadas pegamos vários pontos e entregamos para os adversários. Essa história eu já conheço.

  4. Como pode? O Sampaio ser tradição e ter torcida no Brasil inteiro e perder para um time sem tradição e não ter um terço da nossa torcida. Mais não largo de torcer para o Sampaio Correa fc!!!

  5. Foram inúmeras vezes em que um dos nossos atacantes disparava pro ataque e o time não acompanhava, ficavam todos atrás dos marcadores. Gustavo Ramos, Caio Dantas sempre vão pra cima dos zagueiros e quando levantam a cabeça não encontram ninguém! Isso é crítico! Temos que ter objetividade e saber o que fazer qnd se tem a posse de bola.

  6. Ficou uma grande interrogação! Se não conseguirmos vencer a modesta equipe do Operário, como vamos vencer o time do Avaí? Aliás, nunca vencemos, nem no Castelão e muito menos na ressacada! Se o improvável não acontecer, será mais uma derrota. Esse filme eu já vi nas ultimas disputas do Sampaio na Série é não tivemos um final feliz.

  7. Pelo amor de Deus, achem um meia-direita, um meia-esquerda, dois volantes, um lateral esquerdo e um goleiro, essas posições são criticas no Sampaio, é muito complicado, estressa qualquer um, ainda bem que Joécio chegou e a zaga melhorou um pouco.

  8. O Condé precisa rever seus conceitos, o time entrou em campo como se tivesse no G4, o que deveria entrar a todo vapor aproveitando o calor e esmagar a equipe do Operário que não é tudo isso que ele falou antes da partida, enfim que tem medo de perder não conquistará nada nessa vida…

    1. Se o time começasse com muita pegada na segundo tempo não teria perna pra jogar, mesmo não forçando na primeira etapa vimos que depois da metade do segundo tempo o time já estava se arrastando, tem que trabalhar o condicionamento físico dos atletas

  9. Boa noite. Com toda sinceridade, tá faltando competência nesse ataque! O que adianta atacar bastante e não fazer gol?! Esse jogo era pra ser de 3 pontos pro Sampaio. Série B é uma competição que não devemos desperdiçar pontos! Falta um centravante de nome.

  10. O time do Operário não tem a tradição, nem o muito menos o prestígio que tem o time do Sampaio Corrêa. É frustrante ver o time maranhense ficar brigando pra sair do Z4 sem conseguir. Tome não consegue vencer duas partidas seguidas na Série B, é isso não é de hoje. O filme está se repetindo, é isso é angustiante. Perder no Castelão e fora está se tornando um hábito. Estou evitando fazer críticas, mas está difícil…. quando se espera que o time tenha uma sequência de vitórias, é complicado e desestimulando.

  11. Erros de arbitragem acontecem, O jogador sofreu pênalti, O que não deve acontecer, e o time começar o jogo, jogando como se tivesse jogando fora de casa ou como se tivesse em uma situação razoável na tabela, outra, não se pode utilizar um zagueiro ou um meio de campo ou um atacante 90 minutos cada jogo, a zaga por exemplo tem sido muito exigida alguns jogadores tem rendimento diferentes a cada jogos, nesse jogo ficou óbvio o cansaço de alguns jogadores, que precisam ser poupados, e necessário corrigir essa marcação alta da defesa nem toda vez o jogador adversário vai está impedido foi o que resultou na derrota, O brasileirão e um campeonato com muitos jogos, preciso ter atenção para que os jogadores não venha sofrer sérias lesões

  12. Havia muita expectativa para conseguirmos 3 pontos,o que infelizmente não aconteceu.Pimenta deu mais agressividade,mas não é o bastante,pois é uma equipe e precisa que tenhamos outros no mesmo nível.Temos visto que a equipe precisa de várias peças,mesmo assim continuo acreditando.Sempre Sampaio.

  13. Time chutou só em cima do foleiro e outros juntes de longe, time tem que acompanhar as jogadas dos colegas de ataque.
    Vamos ficar espertos……!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *