Sócio UniversoTorcedor

Venceu

Sampaio supera Presidente Venceslau e conquista primeira vitória na LBF

Sampaio conquista primeira vitória na LBF (Foto: Paulo de Tarso Jr)

O Sampaio Basquete bateu a equipe do Presidente Venceslau e conquistou a primeira vitória na Liga de Basquete Feminino (LBF) 2016/2017, em partida disputada no jogo realizado no Ginásio Castelinho. O placar final marcou 73 a 61 para as meninas da Bolívia Querida.

Sampaio conquista primeira vitória na LBF (Foto: Paulo de Tarso Jr)

Destaque Tricolor ficou por conta da armadora Tainá Paixão, que marcou 18 pontos durante o jogo. 

O Sampaio Basquete enfrenta novamente a equipe do Presidente Venceslau nesta sexta-feira (20), às 21h, no Castelinho, em São Luís (MA).

11 respostas

    1. ECR, eu concordo plenamente com você nesse aspecto. Eu fui no último jogo e foi desanimador o numero de torcedores presentes no Castelinho.

  1. Que alívio! Ontem estive no Castelinho apesar de está um pouco gripado, pra ver a meninas do basquete vencerem sua primeira partida na liga. A torcida muito pequena, decepcionante. Cadê os torcedores otimistas? Espero que não façam a mesma coisa na partida contra o Santa Quitéria. Quer ver que ficaram com medo da chuva desmanchar a chapinha, e preferiram ficar em casa assistindo as meninas superpoderosas!

    1. Eu estive no jogo e você bobão? Você deve ser torcedor de araque, aqueles que só ficam nas redes sociais escrevendo bobagens. Sem noção.

    2. Eu também fui no jogo Rossini. Castelinho tava com poucos torcedores. Não liga pra esses caras que nem tem coragem de escrever o nome e por falta de assunto ficam malhando os verdadeiros torcedores como nós, que vamos ao Estádio.

    3. Chupar com “x” !

      É triste observar que em pleno Século XXI, onde os indivíduos têm ao seu dispor todas as ferramentas para ajuda-lo no crescimento intelectual e como pessoa, que você meu amigo, fique a margem desse processo. Evolua, cresça como pessoa, seja você mesmo, inspire-se nos bons, tenha opinião própria, ainda que todos discordem de você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *