Sócio UniversoTorcedor

Tratativas

Presidente participa de Conselho Técnico da Série C, e confirma volta de Andrey

Frota esteve presente no Conselho Técnico da Série C, no Rio de Janeiro (Foto: Elias Auê)

A bola ainda não rolou para a Série C do Campeonato Brasileiro 2019, mas a preparação para a competição já começou. O presidente Sergio Frota esteve presente no Conselho Técnico da competição, realizado na última terça-feira, na sede da CBF, com representantes dos 20 clubes participantes e de Federações estaduais.  Foram debatidos temas importantes sobre o torneio.

Frota esteve presente no Conselho Técnico da Série C, no Rio de Janeiro (Foto: Elias Auê)

Além das pautas determinadas, foi feita uma solicitação dos clubes no sentido que a CBF destine verba à série C: “Estamos tentando viabilizar que parte da receita dos Direitos Internacionais da Série A (taxa de administração que ela tem direito), que foi destinada somente à Série B, seja repassada também aos participantes da Série C.

Essa taxa representa 30 milhões de reais. Ou seja: seriam 20 pra B e no mínimo 10 pra C. Na atual conjuntura, seria uma ajuda considerável”, explicou o presidente Sergio Frota.

Durante a reunião, foi divulgada a tabela básica da Série C 2019. O Sampaio Corrêa estreará diante do Santa Cruz, no Castelão. O detalhamento com datas definitivas, horários e locais será anunciado em breve pela DCO.

Andrey – O presidente Sergio Frota aproveitou a passagem pelo Rio de Janeiro para acertar a situação do goleiro Andrey. Como não foi viabilizada a negociação do atleta, que tem contrato com o clube até 2020, ficou acertado o seu retorno ao Sampaio na próxima segunda-feira para ser integrado ao elenco boliviano.

Andrey acertou retorno ao clube (Foto: Lucas Almeida)

21 respostas

  1. O problema não é o Sampaio. O que está trazendo essa decadência do futebol maranhense é a falta de incentivo fiscal do Estado e a falta de apoio das empresas. Montar um bom time custa caro e exige um planejamento orçamentário. Sem renda, sem incentivo e sem patrocínio fica muito difícil. Acho que a solução passaria por uma lei onde o contribuinte pudesse direcionar parte do ICMS de suas compras ao clube do coração.

  2. O Andrey foi responsável por 90% da conquista da Copa do Nordeste. O retorno dele vai dar segurança pra essa zaga. Entretanto, não adiante ter um goleiro do nível dele, se a zaga não corresponder! Já considero um ponto positivo o retorno do Andrey, mas, ainda estamos distante do time ideal para jogar nas Oitavas da Copa do Brasil e iniciar a Série C. Não vamos nos iludir, o time precisa melhorar muito.

  3. Meu nobre amigo Leo Boliviano ano passado falei aqui q o DijaBaiano dava serto no Sampaio ai alegaram q ele era de noitada resumo nao veio ai voce da uma opiniao e eu respeito Do jobson kkkkk ta de brincadeira amigo por mim esses ficariam sem clubes

  4. Presidente,o jobson,aquele que jogou no Botafogo, ele foi desligado do Brasiliense,seria uma boa contratação para o Sampaio,ele aínda joga muito e tem nome e tá doido pra voltar a jogar em clube grande,a série C pelo Sampaio,seria uma grande vitrine pra ele e seria bom para nós.

    1. PERGUNTE ao Luis Estêvão, dono do Brasiliense, o porquê do desligamento. Presepada de novo. E o Sampaio não é Centro de Recuperação, meu amigo.
      ismar!!

  5. Andrey é uma joia e como tal precisa ser tratado, trata-se de um dos maiores goleiros da história recente do Sampaio, esse cara defendeu um pênalty contra o Fortaleza que até hoje não consigo esquecer. Será titular absoluto no gol, considero Andrey um goleiro perfeito, tá na história da Bolívia Querida, o título de campeão da Copa do Nordeste vai deixar saudade.

  6. MUUITO BEM! GRÃ PRESIDA EL FROTON, como sempre, ágil nas tratativas dos assuntos relativos à nossa Bolívia. Interessante, também, foi desenrolar, “in loco”, a novela Andrey.
    FORTE ABRAÇO
    ismar!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *