Sócio UniversoTorcedor

Recuperar

Tricolor se reapresenta e já trabalha para enfrentar o Americano

Equipe Tricolor se reapresentou esta tarde no CT

O segundo turno do Campeonato Maranhense é um tiro curto, e o pensamento do Sampaio é se recuperar do tropeço diante da equipe do Cordino e buscar a vitória contra o Americano, no próximo domingo, para não se distanciar da luta por uma das vagas à semifinal.

Equipe Tricolor se reapresentou esta tarde no CT

O grupo Tricolor se reapresentou na tarde desta quinta-feira para iniciar a preparação. O foco do dia foi a recuperação física dos jogadores que foram titulares na quarta-feira. Os atletas realizaram apenas um trabalho regenerativo, enquanto os outros jogadores participaram de um jogo-treino contra o Sub-19 do clube. Os profissionais venceram por 2×0 com gols de Felipe Costa.

“Claro que não foi o resultado que estávamos esperando, mas não temos tempo para lamentar. É preciso seguir trabalhando forte porque domingo já tem outro jogo importante e precisamos vencer de qualquer jeito”, avaliou o atacante Pimentinha, que fez sua reestreia com a camisa boliviana.

O zagueiro Maracás vai ficar afastado dos treinos nos próximos dias. O jogador sofreu uma pancada na cabeça durante o amistoso contra o santa Quitéria, e o exame constatou uma hemorragia intracraniana.

O departamento médico do clube aguarda o laudo do neurocirurgião para precisar o tempo de recuperação. Maracás estava previamente escalado para enfrentar o Cordino, mas o resultado do exame, divulgado no fim da tarde de ontem, 06, colocou o DM em alerta, e houve o veto do atleta para a partida.

Recuperado de uma lesão na coxa, o volante Diego Silva já trabalha normalmente com bola e deve ficar à disposição para o jogo contra o Americano. O zagueiro Arthur Sanches também está recuperado e já iniciou o processo de transição.

Após se restabelecer de uma forte virose, o meia Felipe Marques voltou aos treinos, mas deu apenas voltas em torno do campo. Ele vai passar por um breve processo de recondicionamento físico para poder começar a trabalhar com bola.

Felipe Marques voltou aos treinos após se recuperar de uma virose

Nesta sexta-feira, a equipe do Sampaio realiza uma atividade tática e técnica no estádio Nhozinho Santos, a partir das 15h30. Solicitação da comissão técnica para os jogadores se adaptarem melhor ao local da partida de domingo.

25 respostas

  1. O jogo do Sport até quando vai “ficar” na cabeça do torcedor? Já estamos é no Maranhense 2017, e numa complicação respeitável, meus Caros! !
    Ismar.

  2. Luis Silva, você foi muito feliz e de um olho clínico formidável nos seus comentários.
    Duvido e aposto se ainda teremos a mesma formação que tivemos contra o Sport Recife. Claro que foi tudo por acaso e por falta de opção.
    Eu que acompanho todos os jogos, indo aos estádios ou na TV, garanto que foi a melhor apresentação depois de era 2015, não pelo resultado, mas pela postura de um time que sabia o que queria.

  3. Para fazer um time competitivo as vezes é preciso audácia e coragem do técnico. Aquele jogo com o Sport é um bom exemplo, até por falta de opções o técnico lançou mão de uma alternativa audaciosa que surpreendeu o Sport. Por acaso achamos o time naquele jogo só faltou coragem pra manter.

  4. Os resultados para o Sampaio estão demorando muito a chegar e se isto está acontecendo é porque a equipe está aquém do ideal.Desculpas não tapam a baixa média da equipe até o momento,mas um fracasso em qualquer um dos próximos adversários e … ,e não adianta dizer que o time ainda não pegou entrosamento.

  5. Assessoria pq o Sampaio contratou tanto zagueiro se só jogam dois?
    Renan Dutra, Sanches, Maracás,Alex,Breno, Fredson, Paulo Sérgio e etc… É zagueiro demais pra não jogar… Ai no meio campo e ataque temos escassez

    1. Vou te explicar. Zagueiro comete muita falta (principalmente os ruins), tomam muitos cartões, se machucam nos jogos, por isso um time precisa de no mínimo 6 zagueiros. Quanto aos jogadores de meio campo, o Sampaio Correa tem que contratar mais 2, só precisa melhorar a qualidade dessas aquisições.

  6. …..E aquela formação que jogou contra o Sport, que jogou taticamente bem fazendo a bola girar com Felipe Costa, Wesley, Hiltinho, Diego, Daniel Costa. O time jogou sem dar chutão, com a bola no chão e criou inúmeras oportunidades de gol e recebeu elogios do canal do E.I

    1. Falei aqui no dia seguinte ao jogo que tinha esperanças que aquela forma de jogar com meio campo não apenas de marcação mais de toque de bola e ainda com tres jogadores muito velozes do meio pra frente fosse uma reviravolta da filosofia de jogo do nosso técnico, mas tinha preocupação de que aquela formação tenha acontecido por acaso por falta de opções visto que alguns não podiam jogar naquela partida

    1. Do time de idoso do qual faço parte aqui no trabalho. Só coroa fora de forma. O mais novo sou eu, com 65 anos.

  7. Esse time tem lutar para não ser rebaixado, pois o jogo com americano é de vida ou morte para o rebaixamento, avise o técnico Diá que o Sampaio só tem 3 pontos, se perder para o americano corre um sério risco de ser rebaixado.

    1. Quem diria não é Reinaldo! O pior que do jeito que as coisas estão andando, infelizmente chegamos a pensar no rebaixamento, nada vem dando certo para o Sampaio, lamentável o que vem passando nosso Sampaio, teve um bom período para organizar e treinar o time, reforços chegaram mais pouco entrosamento, esquema de jogo alterado enfim, o temos hoje é, um time tentando se encontrar, buscando ainda um padrão de jogo. O Diá precisa encontrar uma solução URGENTE, temos 3 jogos, sendo 2 Clássicos, portanto, é o feijão com arroz, nada de invenção, até porque o tempo está curto e os resultados precisam aparecer, não é Diá? Se não calendário 2018 comprometido. VAMOS SAMPAIO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *