Sampaio Corrêa

10 | maio | 2015 - 10:34 - 2868 visualizações

[hupso]

Pesar

Universo Tricolor lamenta o falecimento do ilustre Amaral

A torcida Tricolor amanheceu de luto. Faleceu nessa madrugada o historiador Manoel Raimundo do Amaral, Ilustre torcedor do Sampaio e conselheiro do clube.

Amaral foi uma pessoa que muito contribuiu com o memorial boliviano, doando bolas antigas, como a do título brasileiro de 1972, faixas, flâmulas, recorte de jornais, além de camisas históricas.

O presidente Sergio Frota lamentou bastante o falecimento de Amaral, a quem sempre considerou um bom amigo, e dedicou a grande vitória de ontem em sua homenagem.

A imensa torcida e toda a diretoria boliviana deixa sua solidariedade e os sentimentos sinceros à família do saudoso Amaral.

PUBLICIDADE

24 respostas para “Pesar”

  1. JOANA PINHEIRO disse:

    Trabalho na mesma rua onde seu Amaral morava , sempre que passava ele estava ali na porta sentado com seu radinho , uma bolsa e com um sorriso no rosto . Lembrarei pra sempre do seu carinho por mim , sempre que me via me recebia com o grande carinho . Na segunda quando cheguei aqui no trabalho recebi a noiticia que me deixou muito triste . Guardarei sua lembrança sempre . E o livro autografado que comprei dele , meus sentimentos á familia.

  2. AMARAL NETO disse:

    MEU PAI FOI UM GUERREIRO, TRAVOU DURANTES EXATOS 43 DIAS UMA GUERRA PELA VIDA. UM BOM PAI, BOM ESPOSO, BOM FILHO E BOM AMIGO. FOI E SEMPRE SERÁ MEU HERÓI. TE AMO PAI…….

  3. AMARAL NETO disse:

    MEU PAI FOI UM GUERREIRO, TRAVOU DURANTES EXATOS 43 DIAS UMA GUERRA PELA VIDA. UM BOM PAI, BOM ESPOSO, BOM FILHO E BOM AMIGO. FOI E SEMPRE SERÁ MEU HERÓI. TE AMO PAI…….

  4. Miro Moraes disse:

    Sou um pesquisador e historiador da SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS (adversário, nesta terça, da BOLÍVIA QUERIDA), e gostaria de deixar aqui (embora não o conhecesse, infelizmente) meus mais sinceros sentimentos e respeito a uma figura ímpar no cenário do futebol brasileiro, precisamente do futebol maranhense.
    Como pesquisador, espero que todo o trabalho do Sr. Amaral, em resgatar o futebol maranhense, em especial de seu clube querido, o GRANDE SAMPAIO CORREA, orgulho do Maranhão, não se perca.

  5. "TRICOLOR DE CORAÇÃO" disse:

    quinta-feira, 24 de janeiro de 2013
    Historiador Amaral corta os cabelos como promessa em pleno Nhozinho Santos
    Trecho do livro “Memória Rubro-Negra: de Moto Club a Eterno Papão do Norte”:

    “Um dos momentos marcantes na história envolvendo rubro-negros e bolivianos ficou por conta de uma das figuras mais representativas do nosso futebol, o assumidamente boliviano Manoel Raimundo do Amaral, matemático, pesquisador e uma das figuras mais representativas do futebol maranhense. Piauiense da cidade de Piripiri, Manoel Raimundo do Amaral chegou ao Maranhão na década de 60, quando passou a adotar a Bolívia Querida em sua vida. Com uma vida inteira ligada ao futebol do nosso Estado, Amaral foi durante muitos anos Presidente e secretário do time tricolor, além de outros cargos pela Federação Maranhense de Futebol. Atualmente, ele é um dos mais conceituados e respeitados estatísticos e historiadores do nosso futebol. Dono de uma invejável memória, Amaral é capaz de lembrar sobre verdadeiras pérolas do nosso futebol e descrever, sem medo de errar, escalações de diversos clubes e a origem de vários jogadores do passado. A sua memória, inclusive, trouxe à tona um dos acontecimentos pessoais mais curiosos envolvendo o confronto entre Moto Club e Sampaio Corrêa. Na década de 1970, o Moto Club alcançou um longo período de jejum sem derrotas frente ao Tricolor (a última Vitoria da Bolívia aconteceu no dia 20 de Agosto de 1972, pelo Campeonato Maranhense, por 1 a 0). Amaral, então, como um ferrenho boliviano que sempre foi, decidiu em 13 de Agosto de 1975: só cortaria o cabelo no momento em que a Bolívia Queria quebrasse essa escrita. O problema foi que nem ele e nem o mais pessimista dos tricolores poderia imaginas um jejum tão longo, que já perdurava por longínquos 26 jogos… No Campeonato Maranhense de 1975, Sampaio Corrêa, Moto Club de São Luis e Ferroviário chegaram às disputas da fase final da competição.
    Os Tricolores apresentavam um forte elenco, onde se destacavam o goleiro Brito, o sempre temível zagueiro Célio Rodrigues e o já consagrado Djalma Campos, um dos eternos ídolos da história do Sampaio Corrêa. O Moto Club, por sua vez, era formado por Ferraz, Lima, Paraíba , Gojoba e outros grandes nomes. Na última partida da competição, realizada no dia 13 de Agosto e sob as vistas de mais de 14 mil motenses e bolivianos apaixonados, Assis, aos 20 minutos do primeiro tempo, fez o gol da vitória boliviana e deu início ao fim de três anos sem título estadual pelo Sampaio Corrêa. Contudo, outra marca foi quebrada: após dois anos e 11 meses de sofrimento (tempo do jejum motense sobre os bolivianos), Amaral desceu ao gramado, percorreu a extensão dos travessões de joelho e depois cumpriu a promessa, acabando com os longos cabelos que caíam sobre os ombros. Assim, finalmente o Raimundo do Amaral cortou os cabelos, no final do grande clássico. Assis usou a cabeça, quebrando o tabu […]. O Amaral no centro do gramado ajoelhado enquanto o barbeiro trabalhava.”

    Série invicta do Moto (26 jogos)

    27/07/1975-Moto Club 1×1 Sampaio Corrêa (Campeonato Maranhense)
    17/07/1975Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Amistoso)
    15/06/1975-Moto Club 1×1 Sampaio Corrêa (Campeonato Maranhense)
    08/05/1975-Moto Club 1×1 Sampaio Corrêa (Torneio)
    01/05/1975-Moto Club 1×1 Sampaio Corrêa (Taça Cidade de São Luís)
    30/03/1975-Moto Club 1×0 Sampaio Corrêa (Taça Cidade de São Luís)
    02/02/1975-Moto Club 2×1 Sampaio Corrêa (Torneio)
    14/12/1974-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Campeonato Maranhense)
    08/12/1974-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Campeonato Maranhense)
    31/10/1974-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Campeonato Maranhense)
    18/09/1974-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Campeonato Maranhense)
    18/08/1974-Moto Club 2×1 Sampaio Corrêa (Campeonato Maranhense)
    14/04/1974-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Amistoso)
    23/05/1973-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Torneio Seletivo)
    20/05/1973-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Torneio Seletivo)
    17/05/1973-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Torneio Seletivo)
    29/04/1973-Moto Club 1×0 Sampaio Corrêa (Amistoso)
    08/04/1973-Moto Club 3×3 Sampaio Corrêa (Amistoso)
    01/04/1973-Moto Club 1×1 Sampaio Corrêa (Taça Cidade de São Luís)
    18/02/1973-Moto Club 1×1 Sampaio Corrêa (Torneio)
    26/01/1973-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Torneio)
    18/01/1973-Moto Club 1×1 Sampaio Corrêa (Torneio)
    23/12/1972-Moto Club 1×1 Sampaio Corrêa (Campeonato Maranhense)
    22/10/1972-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Campeonato Brasileiro Série B)
    15/10/1972-Moto Club 0x0 Sampaio Corrêa (Amistoso)
    10/09/1972-Moto Club 1×0 Sampaio Corrêa (Campeonato Brasileiro Série B)

  6. Raimundo Nonato Lima Moraes/R.J. disse:

    Eu era pequeno,mas lembro que o meu falecido pai sempre falava o nome desse senhor.

  7. Hamilton Reis de Carvalho disse:

    Ouvi muitas vezes o Fontenele em seu Programa Esportivo na Mirante, fazer entrevistas com o grande historiador, Manoel Raimundo do Amaral. Deixo aqui os meus sentimentos a toda sua família, e a toda torcida boliviana, o Amaral tem um legado muito grande dentro do esporte maranhense e nos deixa uma saudade enorme.

  8. Adolfo J. Dias disse:

    Realmente, uma perda lamentável. Descanse em paz. Força para a família.

  9. ARTHUR OLIVEIRA disse:

    Amaral, aprendi muito com nossas conversas, a honra de ter lhe conhecido só é menor do que á saudade que deixaste. Muita luz do amigo Arthur Oliveira.

  10. LUIS CARLOS P GONÇALVES disse:

    Hoje o que era para ser ser um dia feliz, ser tornou um dia de imensa perda e tristeza perdi um grande amigo, um amigo verdadeiro leal e honesto um grande pai de familia, a familia tricolor perdeu uma de suas maiores referência, de um homem apaixonado pelo futebol, mais o futebol que se chama sampaio correa, hoje se o futebol maranhense tem memoria deve-se tudo graças á ele que á escreveu, descanse em paz MANOEL RAIMUNDO DO AMARAL, VOCÊ DEIXARA MUITAS SAUDADE, infelizmente esse dia ficara marcado no meu coração pela sua partida amigo, mais entendo que pessoas vem e parte assim como todos nós partiremos, OS AMIGOS VERDADEIROS SÃO PARA SEMPRE, não direi adeus mais um até logo, peço humildemente á DEUS PAI AMADO E DE INFINITA MISERICORDIA QUE LHE RECEBA EM SEUS BRAÇOS DESCANSE EM PAZ, ASSIM COMO CONFORTE OS CORAÇÕES DE DONA MARIA DAS GRAÇAS (ESPOSA) LIANA MARA (FILHA ) TONY E AMARAL NETO (FILHOS ) E NETOS CAROL, TATA, MARIA EDUARDA, ANA BEATRIZ, THIAGO, E ALEX MATHEUS.
    QUERO AGRADECER Á DEUS PAI AMADO, PELA A OPORTUNIDADE QUE ME FOI DADA DE CONHECE-LO, OBRIGADO SENHOR.

    • Liana Mara Amaral Feitosa disse:

      Sr. luis Carlos,

      Obrigado pela linda homenagem que fizeste ao meu Pai, sem dúvida o Amaral Boliviano foi e sempre será uma pessoa muito querida por todos e um torcedor eterno do Sampaio, reconhecimento desta natureza o deixaria super feliz, e nos deixa lisonjeados.
      Nos da família agradecemos pelo carinho e reconhecimento
      Esposa, filhos, netos

    • AMARAL NETO disse:

      A FAMÍLIA AGRADECE SUAS PALAVRAS

  11. Marcio Pontes disse:

    Meus pêsame à família. Grande parte da história do futebol maranhense está viva graças ao que esse senhor registrou. Fique com Deus.

  12. Meus pêsames a família. Amaral tinha como família, além de seus familiares, também o Sampaio Correa Futebol Clube, como o seguimento de sua família. Que Deus e Nossa Senhora o tenha nos braços. Com certeza onde ele está la estará sempre uma bandeira tricolor: Encarnada, Verde e Amarela. Fique em PAZ Amaral.

  13. Reinaldo disse:

    Olá boa tarde, se possível, coloque foto do senhor Amaral.

    • Se alguém puder disponibilizar, publicaremos com prazer.

      • Liana Mara Amaral Feitosa disse:

        Sou filha do Amaral e pra onde podemos mandar uma foto dele e assim atender o pedido que foi feito?

        Liana Mara Amaral

    • rene Almeida disse:

      Anda criança assisti a vitória da Bolívia em 72 contra o campinense. Começava ai a História de grandes conquistas do tubarão. Ao vê que a assessoria de iimprensa do Sampaio não possui uma fotografia de Manoel Rdo do Amaral, me entristece saber que essa assessoria desconhece a nossa própria história. AMARAL, colegas, se confunde com a própria história doSSampaio. Boa tarde

      • Márcio Magno disse:

        Concordo plenamente. Foi um pessoa que contribuiu com peças importantes para o acervo histórico que o Sampaio Correa tem em sua sede, além da contribuição geral para a história do futebol maranhense. Daí, vem a assessoria de imprensa e dá uma resposta dessa: “Se alguém puder disponibilizar, publicaremos com prazer.” Para se redimir dessa resposta idiota o site fica obrigado a dedicar uma matéria sobre esse homem chamado Amaral.

        • Amaral Neto disse:

          Caro Márcio Magno, como foi dito pelo Sr. Hamilton Pereira Santos, pelo Sr. Hamilton Pereira Santos entre outros, para meu pai, Manoel Raimundo do Amaral, o Sampaio era e sempre será uma extensão de sua família, motivo que o levava a ter lembranças do clube que tanto amava. É fato que só guardamos lembranças das pessoas e/ou coisas que de alguma forma são importantes em nossas vidas/história.

  14. ismarcosta/TERESINA, PIAUI disse:

    LUTO INQUESTIONÁVEL, E PÊSAMES A TODOS DA FAMÍLIA!!!!

  15. Naim disse:

    meus pesames a familia e toda a nacao tricolor por este fato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não poderemos publicar tudo o que for enviado, mas vamos analisar seu comentário com muito carinho.
(Máximo de 1.000 caracteres. Mínimo de 10 caracteres.)


Sampaio Corrêa - A Bolívia querida de maior torcida do Maranhão
Av. General Arthur Carvalho, Turu Velho - São Luís-MA
CEP: 65066-320 - Email: marketing@sampaiocorreafc.com.br

Todos os direitos reservados ao Sampaio Corrêa Futebol Clube

Acessar » | Webmail