Sócio UniversoTorcedor

Objetivo definido

Sampaio defende a liderança em Imperatriz

Sampaio encara o Imperatriz no Frei Epifânio da Abadia

Noite de quarta-feira com o time do povo em campo. O Sampaio Corrêa atravessou todo o Maranhão para encarar mais um desafio pelo campeonato estadual. O duelo é diante do Imperatriz, um adversário que vem acirrando a rivalidade nos últimos anos.

Sampaio encara o Imperatriz no Frei Epifânio da Abadia

Às 20h15, a Bolívia Querida entra em campo, no estádio Frei Epifânio da Abadia, para tentar manter a supremacia no confronto direto e se estabelecer na liderança da competição. Uma posição em que o Tubarão se sente sempre confortável.

  • Sampaio e Imperatriz já se enfrentaram 32 vezes em partidas oficiais.
  • São 16 vitórias do Bolivão.
  • O adversário saiu triunfante de campo em oito oportunidades.
  • O empate entre as duas equipes prevaleceu em outros oito confrontos.
  • Tricolor balançou as redes do adversário 67 vezes e sofreu 42 gols.
  • Os dois times já disputaram duas finais de estadual, em 1987 e 2015. Um título para cada lado.

 Mas, a história no futebol é escrita dia após dia, e hoje é um novo jogo, com outros atores e uma narrativa diferente. O Sampaio sabe se portar em todas as ocasiões, e não se apoia no bom momento que vive, proporcionado pelos dois últimos resultados. O comandante Tricolor sabe bem disso.

 

O momento é bom.

 Mas a história que você escreve no domingo pode ser apagada na quarta.

 Tenho a consciência de que o futebol só respeita os resultados.

 Precisamos saber lidar com as situações, não acomodar, e manter o nível de concentração elevado para que as coisas aconteçam da melhor forma possível.

– Vinícius Saldanha

 

Não trata-se apenas de frases feitas. O atual grupo do Sampaio joga por uma causa. Vestir a camisa do Sampaio representa muito mais do que uma simples chuva de verão. Cada um quer mostrar o seu valor, jogo a jogo. E, hoje, é apenas mais uma chance de fazer valer a pena. Eles vão à luta!

27 respostas

  1. INFELIZMENTE A TORCIDA MARANHENSE CONTINUA ALIENADA PELOS TIMES DO SUDESTE. É IMPRESSIONANTE COMO TEM TORCEDOR QUE VAI AO ESTÁDIO TORCER PRO SEU TIME COM CAMISA DE TIMES DE FORA. VAMOS ACORDAR TORCIDA MARANHENSE E PROCURAR VALORIZAR E APOIAR O QUE É NOSSO. RESIDO AQUI EM CORUMBÁ/MS E MUITOS NÃO FAZEM A IDEIA DE SENTIR ORGULHO QUANDO ALGUÉM LHE PERGUNTA SE A CAMISA QUE VC ESTÁ USANDO É DO SAMPAIO O TIME DE MAIOR TORCIDA DO MARANHÃO. SINTO MUITO ORGULHO. PRA CIMA DELES BOLÍVIA.

  2. Mais uma vez parabéns assessoria e redator! de postar opiniões de alguns profissionais que defende e trabalha para o mais querido! SAMPAIO CORRÊA FUTEBOL CLUBE!!! #VUMBORA *SAMPAIO*

  3. “www.diarioonline.com.br/

    “No primeiro Re-Pa de 2017, o Fenômeno Azul e a Avalanche Bicolor mostraram o que são capazes de fazer por seus clubes e o público do clássico do último domingo (12), foi o maior entre os clássicos realizados no futebol brasileiros”. Mangueirão 27.933 pagantes.

    Só pra se ter uma ideia, muito mais que o Moto x São Paulo.

    Obs: e mesmo nos jogos que não são clássicos eles se superam, vejam por exemplo:
    Resultado no tempo normal: Resultado na disputa de pênaltis:
    Paysandu 4 x 2 Águia – Público: 13.853 – Renda: 316.480,00

    1. ENTÃO ROSSINI SE MUDA PARA LÁ E VAI TORCER PARA UM DESSES TIMES PARAENSES E MELHOR VAI AZARAR OS TIMES PARAENSES SÓ ASSIM O SAMPAIO SE LIVRA DESSES SECADORES DE PLANTÃO.

  4. A verdade é só uma meus amigos: ou torcedor boliviano que se preza volta ao estádio e comparece aos jogos do Sampaio Correa, ou a perspectiva de vencermos alguma competição é nula. Queremos reforços mas, não tem como fazer isso sem dinheiro, portanto, é necessário a presença do torcedor no campo. Só com esse elenco que dispomos no momento, não vamos vencer o maranhense, isso sem falar das contusões e nos cartões que sempre ocorrem.
    Eu cobro reforços, embora entenda que não será difícil pro Sérgio Frota atender. Só que eu vou em todos jogos. Eu não escolho jogo para ir no Castelão, em vou todos os jogos. Então, ou a torcida muda de postura, ou vamos ter um ano semelhante a 2016.

  5. Assessoria há alguma movimentação pra contratação de mais um meia para o time? Haja visto que o Juliano não ficou por problemas clínicos. E aproveitando a deixa, qual a situação do atacante Ricardo maranhao?

  6. Professor Vinicius, enquanto Valderrama e Daniel Barros estiver dando cobertura na zaga, nós não vamos ter força ofensiva, por favor, teste o Otavio ou Alex como primeiro volante e dê liberdade aos demais chegar ao ataque, assim, teremos mais chutes a gol, trocas de passes no meio de campo, enfiadas de bolas para o ataque e muito mais qualidade.

      1. Aproveitar bom potencial de arremate atol de valderrama e do Daniel. Acho que o Otávio , que é volante de origem seja a melhor opção. Até ver se o Alessandro Paraná dará conta do recado. Nosso time do goleiro até os dois citados acima está bem. Com a entrada do ronyere deverá melhorar ainda mais. O que falta é um mês de criação que desequilibre as partidas e dois bons atacantes. Tomara que o Giovani e o Gustavo se entendam na frente.

  7. Se a gente depender somente do maranhense para parâmetro, estaremos ferrados e cada vez mais distante da realidade. Precisamos dar mais atenção para a copa do nordeste e a torcida incentivar mais comparecendo aos estádios. Pra frente Bolívia.

  8. Como sempre foi e provavelmente será sempre, desculpem o trocadilho, o Futebol do Maranhão e do Piaui, serão “sempre” relegados a segundo plano, porque esse preconceito é cultural e difícil de ser combatido, principalmente por falta de alguém que possa intervir a nosso favor. A verdade é que não temos uma Federação forte, e os políticos maranhenses e governantes pouco estão ligando para o nosso futebol. Então meus amigos, o que estão fazendo com aas nossas equipes e as do Piaui, já era esperado, não se trata de “nenhuma” novidade. Entretanto, o torcedor tem culpa, pois a média de público desde de que entramos nessa competição é pifia! É só pesquisar as rendas dos nossos participantes na Copa do Nordeste. Quanto foi o público e renda do jogo contra o River e a Juazeirense? Decepcionante.

    1. Amigo Rossini, creio que apesar de estar certo em suas afirmações, nosso torcedor maranhense após se ver acostumado com os times do nordeste com o Sampaio jogando a série B por duas vezes, não mas olha esses times como atração. E depois da mudança que houve pela CBF rebaixando a competição para dar apenas como alento ao campeão uma vaga nas oitavas de finais da copa do brasil e não mais a sul-americana, aí que piorou. Acho importante essa competição como parâmetro para montagem do time para o brasileiro, e mais ainda pelo aspecto financeiro também no começo de temporada. Porém nossos times nunca deram a importância devida desde o começo também. Estamos fadados a sair mesmo.

      1. Meu amigo Adelino Rego, devemos apoiar o nosso time independente de qual campeonato ele esteja participando, creio que uma média de publico em torno de uns cinco mil por partida, iria contribuir pelo menos para a manutenção do elenco, ou você quer que o Sampaio jogue a Champions League, sendo do Nordeste?

        1. Acho que vc não entendeu o que eu quiz falar amigo. Acho essa competição importante, mas a maioria dos bolivianos não. Devemos sim ir ao estádio independente da competição. Só assim poderemos montar um bom time.

          1. Eu sempre estou lá no setor 1, cabelo grisalho, camisa vermelha número 9, bens no centro do campo. Faça chuva ou faça sol.

        2. ÊPA, ÊPA……ÊPA: por falar em Copa do Nordeste, o verdadeiro “Grude do
          Lampião”, os caras já estão “armando” pra cima, de nós, piauienses e maranhenses: desejam no máximo que, para 2018, somente nossos campeões estaduais participem do certame, já reduzindo de 20 para 18, e mais dois também serão retirados de outros estados(onde será a disputa no velho “par/ímpar). O certo é que coisa boa NÃO VAI chegar pra nós. E exatemente por causa dessas e outras que digo: Se Altos, Moto, River ou Sampaio, um deles chegar a conquistar “essa competição grudenta”, o que vai ter de baiano, cearense e pernambucano – querendo “se enforcar”, vai ser uma grandeza. Podem crer!!!

          ismar!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *