Sócio UniversoTorcedor

Fechados

Após conversa franca, grupo se fecha ainda mais em torno da luta pelo acesso

Presidente Sergio Frota e comissão técnica tiveram uma longa conversa com os jogadores

Teve início, nesta segunda-feira, a primeiras das duas semanas mais importantes do ano para o Sampaio Corrêa na temporada. A Bolívia Querida disputará uma das vagas para a Série B de 2020 contra o São José, e o foco do grupo está direcionado totalmente para a conquista do acesso.

A representação do elenco foi marcada por uma longa conversa entre o presidente Sergio Frota, a comissão técnica e os jogadores. Diálogo franco, com cada um assumindo a sua responsabilidade daqui pra frente, e a unificação em torno do objetivo maior.

“É hora de se fechar. Todos sabem que se trata, a partir de agora, de outro campeonato, e precisamos trabalhar duro porque será um confronto muito equilibrado. Tivemos uma conversa boa com grupo, e todos entenderam que só atingiremos o nosso intuito de subir se mantivermos aquela pegada forte que nos levou à classificação com três rodadas de antecedência. Confio no potencial dessa rapaziada, no apoio do presidente Sergio Frota e de toda a diretoria para batalhar por esse tão sonhado acesso pelo clube”, afirmou o treinador João Brigatti.

A conversa ainda teve a fala do presidente Sergio Frota, que ratificou a confiança no grupo e na comissão técnica, além da manifestação das principais lideranças do elenco, se comprometendo ao máximo nesses dois importantes confrontos diante do São José.

Após a reunião, os jogadores pegaram no batente. Treino regenerativo e reforço muscular para os atletas que entraram em campo na última partida e trabalho com bola aos demais.

A preparação Tricolor prossegue nesta terça-feira, com atividade no período da tarde, a partir das 15h30, no CT José Carlos Macieira.

26 respostas

  1. Esses times gaúchos são muitos perigosos nesses jogos de mata-mata! Todo cuidado é pouco. Mas a Bolívia tem mais tradição em acessos. É só jogar com vontade que vai dar tudo certo. Tritura Buração!!!!!

  2. O programa sócio torcedor bem poderia arrumar um local para os torcedores assistirem o jogo de sábado pelo telão, daí odeia ter sorteios de brindes ,adesão de novos sócios e muita cerveja pra acompanhar a volta pra série B.

  3. Cara eu acredito que dia 7 que no caso Sampaio deveria mudar a data para 8 pq aí sim o público deveria ser maior mais mesmo assim acredito em 36 a 38 mil pessoas isso se não bater 40mil com uma grande festa da torcida. Alguém sabe se estão se organizando para fazer alguma coisa na entrada do time ao campo?

  4. E por falar em torcida, alguém lembra do público dos jogos decisivos série D para C em 2012? Alguém lembra do público do acesso C para B em 2013? Sem dúvidas o bom boliviano lembra, que maravilha! Todo o país que respira futebol ficou encantado com o sucesso de público e renda no estádio Castelão. Lembram de Sampaio x Macaé? quase 50 mil torcedores.
    Aí, voltamos para a série C em 2015, que pena!
    Já em 2016 tivemos um público acanhado, e até no jogo de volta para a série B entre Sampaio x Volta Redonda a torcida não lotou o estádio, chegamos a 30 mil torcedores.
    Acho que só voltaremos a ter um estádio lotado em jogos do brasileiro, se Deus ajudar, nos jogos de acesso à série A, é ver pra crer.
    O torcedor verdadeiro, sou eu e você que acredita sempre no Sampaio esteja onde estiver e como estiver.

    1. Boa tarde. Você está totalmente equivocado, em 2015 foi o ano que o Sampaio Corrêa quase consegue o acesso, prossigamos, em 2016 a nossa Bolívia Querida caiu para a Série C de 2017, e nesse mesmo ano, ascendemos novamente para a Série B de 2018. Então, é bom recalcular esses números.

  5. É isso Presidente, SUBIR pra Serie B, e o principal ser CAMPEÃO, é bom pro RANKING, e com isso ganhar uma vagar na Copa do Brasil 2020

  6. O Grande diferencial para classificação do Paysandu e o Nautico foram as torcidas que compareceram em peso durante todos os jogos da 1a fase. Que esta característica sejam mantida pela torcida pura,eloquente e apaixonada do SAMPAIO CORRÊA. Que estejamos preparados para lotar e cantarmos durante 90 minutos, ou o quanto precisarem. Que tornem o castelão um verdadeiro inferno tricolor.

    Saudações Bolivianas.

  7. Melhor jogar na arena do grêmio, por que o Zeca está acostumado a jogar em campo sintético, no seu pequeno estádio, como a capacidade de publico é bastante reduzida, será obrigado por força do regulamento da competição, de fazer seu jogo num estádio de maior capacidade, melhor para o Sampaio.

  8. Que o Sampaio tem mais tradição e camisa isso é fato. Entretanto, isso não é tudo. Time precisa não repetir os erros que foram cometidos nos três últimos jogos. Tem que fazer uma marcação forte e não abdicar do ataque. Tem que respeitar o adversário mas se impor, mostrar força. Evitar tomar gols. A zaga tem que jogar focada. Temos um bom elenco, é só jogar com garra.

  9. Em verdade, em verdade, nosso GRÃ PRESIDA EL FROTON é insuperável, já deu o primeiro passo. Agora é com nossa grande torcida a força propulsora para o OBJETIVO MAIOR!!
    ismarcosta!!

  10. Presidente, temos um time bom, mas a torcida é que não comparece, sinceramente fiquei envejado ao ver o público de Belém, quando a torcida vai compreender que um time é grande do tamanho de sua torcida?

    1. A torcida do Sampaio é de no máximo 3 mil pessoas. O resto são torcedores ocasionais. Que vão ao estádio somente em jogos mais importantes. E, tudo bem. Talvez o maranhense não goste tanto assim de futebol ou prefira times de fora. Cabe ao Sampaio fazer um trabalho de “base” em sua torcida também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *