Sócio UniversoTorcedor

Em movimentação

Marlon e Fredson voltam aos treinos e têm chances de reforçar a equipe

Marlon se recuperou da lesão na coxa e pode voltar contra o Salgueiro

A preparação para o confronto contra o Salgueiro começou pra valer no CT José Carlos Macieira. Todo o grupo do Sampaio Corrêa se apresentou para treinamento, após alguns jogadores ganharem folga na segunda-feira, e as estratégias para o próximo compromisso na Série C já foram colocadas em prática.

Líder do Grupo A com 28 pontos, o Tricolor fará o primeiro dos dois jogos na sequência fora de casa, tendo em mente a defesa da liderança e o objetivo de chegar ao mata-mata com a vantagem de decidir o acesso em seus domínios.

Sem Odair Lucas, suspenso, o técnico Francisco Diá começou a observar a movimentação da equipe em um treino de movimentação ofensiva, com Carlos Alexandre na defesa ao lado de Maracás.

Recuperado de um estiramento na coxa, Marlon já iniciou o processo de transição e tem chances de reaparecer contra o Salgueiro: “Já não sinto mais dores. A lesão está cicatrizada, e agora é aproveitar esses dias de trabalho para não perder o ritmo. Quero logo voltar e ajudar a equipe nessa reta final da fase de classificação”, declarou o meia Tricolor.

Marlon se recuperou da lesão na coxa e pode voltar contra o Salgueiro

Quem também reapareceu em campo e treinou com bola foi o zagueiro Fredson. Fora da equipe desde a final do Campeonato Maranhense, com uma lesão grau 3 na coxa, o defensor participou normalmente da atividade e também tem possibilidades de ser relacionado.

O grupo boliviano realiza a última atividade em São Luís na manhã desta quarta-feira, no CT. À tarde, a delegação já segue viagem e completará a preparação em Juazeiro e Salgueiro, respectivamente.

21 respostas

  1. O time incorporo ta arrumado, tava observando o camisa onze volta para marcar na lateral no escanteio todo mundo marca ate o hiltinho muito bom ta fechado o time, Isac ta arrebentando

  2. Estamos elogiando nosso time e acho muito louvável, mais não devemos esquecer de convocar a torcida da nossa Bolívia querida a ser Sócio torcedor para que possamos chegar em 2018 muito mais forte.

  3. O Sampaio tem um bom aproveitamento fora de casa quando pega um gol ai o prof.Diá saca um volante e coloca um meia o time cresce de produção e tem empatado e virado o jogo, na minha opiniao bote o time q ganhou do fortaleza so nao o zagueiro

  4. Bom dia amigos hoje vejo como a nossa Bolivia querida esta jogando e da gosto de assistir de ver e rever,sempre dei minha opiniao q o time tem q jogar pra frente tomando a iniciativa do jogo principalmente em casa, o nosso futebol o modelo mais pratico é o 4-4-2 ou seja dois volantes e dois meias q sabem chegar ao ataque, a prova do q estou dizendo é essa 2 X O os gols foram feitos pelos meias, Sobral e Hiltinho

  5. Nós vamos é salgar o Salgueiro, e depois comê-lo, sal preso, inteiro. Em seguida, vamos remar até o Pará, onde se digere o pato no tucupi (e que Pato vamos papar) e tacacá (e que taca vamos dar), matando, e comendo leão, azul anil, como o do Picí que nosso poder já viu, com Pimenta ou sem pimenta, pois não será um engano, ainda que Edgando, estaremos na série B ainda este ano.

  6. Boa notícia, os retornos do Marlon e Fredson, e espero que o César Sampaio retornar em breve, enfim, isso significa que o professor Diá terá mais opções para escolher e montar o melhor estratégia, esquema tático de jogo, enquanto o professor Diá vai estudando na montagem da equipe, NÓS torcedores temos que apoiar cada vez mais esses jogadores, estão realmente vestindo as cores do Sampaio Corrêa, parabéns jogadores, comissão técnica e diretoria. SOU MAIS SAMPAIO.

  7. Alguém se lembra do Pimentinha ou do Edgar? É uma pergunta amigos e não crítica! Fiz essa pergunta pra lembrar que ninguém nessa Terra abençoada por Deus é insubstituível… É aquela velha máxima: “vão se os anéis e ficam os dedos”…. Centenas de jogadores já vestiram o manto sagrado da Bolívia Querida, uns deixaram saudade outros nem tanto, e se foram, seguiram seus caminhos, enquanto o Sampaio continua para alegria dessas e das futuras gerações. Portanto amigos, o clube é mais importante. Vamos no próximo jogo da Bolívia Querida no Castelão, colocar pelo menos 20 mil, pra lembrar os velhos tempo em que a torcida se fazia gigante no Gigante do Outeiro da Cruz.

    1. É Isso aí Rossini, os comentários tem que ser desse jeito, jogando o Time pra cima, acreditando, confiando, torcendo, incentivando, indo a campo, um monte de radialistas, a Imprensa em geral, torcedores que agora elogiam o Diá e os Jogadores, foram os mesmos que não tiveram a paciência em esperar !!!!!
      Como você mesmo disse, Edgar, Pimentinha, Daniel Barros, o Diá estava corretissimo em não contar com eles.
      VAMOS SUBIR SAMPAIO, VAMOS AO ESTADIO GENTE !!!!

    2. Bem lembrado Rossini, ouvimos e lemos alguns desavisados lamentarem a saída de Pimentinha, eu particularmente fiz vários comentarios agradecendo sua saída, ouvir até pedirem Daniel Barros, me poupe, pergunto agora a esses torcedores, onde encaixar o Daniel nesse meio campo, que tem ainda sem ter chance de entrar o Wiliam Rato o Marlon fora do utimo jogo, o outro medio volante o pior é que certo torcedores se deixam levar por alguns cronista o que o cronista diz em sua emissora ai os torcedores repetem, sao verdadeiros papagaio ensaiado,até concordo com os protesto desde que tenha fundamento e nesses casos acima citados, totalmente errados, Pimentinha jogou bem no acesso da da D pra C ,mas depois sumiu.Que seja feliz no remo!

    3. concordo e se todos torcedores soubessem do extra campo que influenciava a equipe e o rendimento e o clima entre os jogadores., não ficariam pedindo o retorno dos dois., pois aprontaram muito faltando com respeito com todos nós

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *