Sócio UniversoTorcedor

Dedicação total

Paulo Sérgio treina firma para manter a melhor forma

Lesão no joelho tira Paulo Sérgio da temporada

Em tempos de Copa do Mundo, a rotina dos jogadores do Sampaio tem se resumido a muitos treinos e uma grande expectativa pelo recomeço da Série B, no próximo dia 15 de julho, contra o Náutico, em Recife.

Paulo Sérgio vem se dedicando nos treinamentos
Paulo Sérgio vem se dedicando nos treinamentos

Treinando com muita dedicação durante esse intervalo na competição, o zagueiro Paulo Sérgio admite a saudade da bola: “A equipe vinha num ritmo bom e fazendo grandes jogos. Estamos treinando forte para que essa parada não interfira no nosso rendimento. Mas a vontade de jogar é grande e estamos na expectativa da marcação de alguns amistosos para mantermos a pegada”.

Sobre a bateria de treinos físicos, o zagueiro aprova o planejamento da Comissão Técnica: “Nós entendemos a importância dessa programação. Ficamos dez dias parados, e, de uma forma ou de outra, acaba-se perdendo um pouco do nosso melhor condicionamento. Então, vejo que é válido treinar forte para estarmos bem preparados quando o campeonato recomeçar.

Paulo Sérgio e o restante do grupo Tricolor voltam a treinar na manhã desta segunda-feira, na Praia do Calhau, às 8h30, no único treino agendado do dia para os jogadores.

3 respostas

  1. Caro Presidente Sergio Frota, caso o amistoso contra o Remo não dê certo, pq não trazer o River do PI. Pense também no Josimar o centro avante que falei ao sr, ele está no Atlético Goianiense, muito bom jogador, não sei se ainda pode jogar por outro time da série B. Um abraço.

  2. Essa vontade mistura à emergia positiva, raça e sour, vem fazer com que a torcida do Sampaio Correa Futebol Clube e do estado do Maranhão venha a acreditar cada vez mais nesses atlétas de Cristo. Coragem irmãos, pois todo homem que se ajoelha perante Deus, vence todos os obstáculos de pé. Um abraço a todos.

  3. Amigos, o nosso representante, o RIVER A. CLUBE, não está pra brincadeira! Mesmo inscrito na disputa da série D, forma um plantel com atletas de níveis das séries C e até B, especialmente agora com a repatriação do piauiense Eduardo Santos(há 13 anos jogando com desenvoltura na Europa) e sob o comando do estrategista, prof. Josué Teixeira. E, a exemplo da Bolívia, acredito q necessita realizar amistosos com times qualificados. E então vai a indagação: por que não viabilizam dois amistosos(Sampaio e River/ River x Sampaio)? Pois, pelo momento, acredito ser viável tanto financeiramente como no resgate de uma rivalidade leal entre os dois Estados-irmãos – que já foi muuuito forte ao longo de décadas. Vai aí mais uma ideia!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *